Moinho do Braacamp, Património a reabilitar!

Porassociacaobraamcamp

Moinho do Braacamp, Património a reabilitar!

Reedificado depois do terramoto de 1755 por Vasco Lourenço, vendido pelos seus herdeiros, em 1804, a Geraldo Wenceslau Braamcamp, 1º Barão do Sobral, que amplia o moinho de 7 casais de mós para 10. Mais tarde, veio a pertencer a um negociante inglês de nome Abraham Wheelhouse. É vendido, em 1884, aos herdeiros de Robert Hunter Reynolds, que vieram habitar a quinta e fundar a Sociedade Nacional de Cortiças.

Sobre o autor

associacaobraamcamp administrator

Deixar uma resposta